Home » News » Bombeiros/MG e Polícia Civil do Pará ofertam 1,5 mil vagas

A partir desta quarta-feira (20/2), as inscrições dos concursos públicos do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais (CBMMG) estarão abertas. São 830 oportunidades para os concurseiros ingressarem na corporação; 800 para soldados e 30 para oficiais. Mas se o interesse for a Polícia Civil do Pará (PCPA), também na quarta-feira, a instituição reabre 670 vagas para escrivão, investigador, papiloscopista e delegado. Os salários chegam a R$ 7.695,02. Confira a seguir as definições de cada certame.

CBM/MG
Soldado
São 770 para o posto de praças combatentes e 30 para vagas para especialistas músicos (flauta, clarinete, sax alto, fagote, oboé, trompa, trompete, trombone, bombardino, tuba e percussão).

As oportunidades serão distribuídas entre as cidades de Belo Horizonte, Uberlândia, Governador Valadares, Uberaba, Varginha, Divinópolis, Congonhas, Viçosa, Nova União, Sabará, Caeté, Ponte Nova, Ipatinga, João Monlevade, Paracatu, Patos de Minas, Januária, Salinas, Taiobeiras, Oliveira, Três Pontas e Lavras.

A remuneração para soldado de 2ª classe será de R$ 2.152,06. O aprovado terá, ainda, assistência médico-hospitalar, psicológica e odontológica. Para concorrer os candidatos devem ter no mínimo 18 e no máximo 30 anos de idade; ensino médio completo; altura mínima de 1,60m; e possuir aptidão física.

As inscrições estarão abertas até 10 de abril no site da Fundação Mariana Resende Costa (Fumarc), a banca organizadora. A taxa é de R$ 90.

O processo seletivo será composto por prova objetiva e de redação no dia 19 de maio de 2013; exames de saúde; exame psicológico; teste de avaliação física; prova prática (somente para candidatos a especialista). O curso de formação profissional tem início em fevereiro de 2014.

Oficial
Das 30 vagas para o Curso de Formação de Oficiais, 27 serão para homens e 3 para mulheres. O curso será ministrado na Academia de Bombeiros Militar, em Belo Horizonte, com duração de três anos. Se aprovado no concurso, o candidato será incluído na graduação de praça especial, como cadete do primeiro ano, com vencimento inicial de R$ 3.541,00.

Segundo o edital de abertura, durante o período de curso, o cadete, assim como o soldado, tem direito à remuneração, abono fardamento, assistência médico-hospitalar, psicológica e odontológica. Após a conclusão do CFO, o cadete é declarado aspirante-a-oficial e poderá ser designado para qualquer unidade do CBMMG em todo o estado, de acordo com a necessidade.

Para se inscrever é preciso ter no mínimo 18 anos e no máximo 30 anos, no início do curso (nascidos entre 26/9/1995 e 26/9/1983); ensino médio completo até a data da matrícula; e altura mínima de 1,60 m.

As inscrições terminam no dia 27 de março e devem ser feitas pelo site www.fumarc.com.br. A taxa de inscrição é de R$ 110.

O concurso terá prova objetiva de conhecimentos, prova de redação, exames de saúde preliminares e complementares e exame psicológico, teste de avaliação física. A prova objetiva de conhecimentos e prova de redação serão no dia 5 de maio, nas cidades de Belo Horizonte, Montes Claros, Juiz de Fora, Uberaba, Uberlândia, Varginha, Governador Valadares e Divinópolis.

PCPA
Reabertas as inscrições, a Polícia Civil do Pará oferta 250 vagas para o cargo de investigador, 250 para escrivão, 20 para papiloscopista e 150 para delegado, com lotação inicial no interior do estado. O salário para os três primeiros cargos é de R$ 3.098,79 e para delegado R$ 7.695,02.

Para realizar a inscrição, o candidato deverá acessar o site http://paginas.uepa.br/concursos até as 23h59 do dia 17 de março. A taxa custa R$ 47,50 para todos os cargos.

O certame será constituído de duas etapas. A primeira: prova objetiva; prova de capacitação física; exames médicos; exame odontológico; psicológico; prova oral e investigação e social. A segunda etapa será o curso de técnico profissional.

A primeira subfase da primeira etapa será realizada seis municípios do Pará: Altamira, Belém, Itaituba, Marabá, Redenção e Santarém. As demais subfases da primeira etapa serão realizadas em Belém. A primeira etapa será realizada sob a responsabilidade da Universidade do Estado do Pará – UEPA, que executará o certame e indicará Banca Examinadora para elaboração e correção das provas.

A segunda etapa corresponde ao Curso Técnico Profissional, de caráter eliminatório e classificatório, a ser realizado e ministrado pela Academia de Polícia Civil/IESP, em suas instalações no município de Marituba (PA).

Fonte: Correio Web

Saiba mais no SOS Concurseiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login