Home » News » Empresa se nega a ressarcir inscritos no concurso de Boca da Mata, AL

Cerca de 7 mil candidatos fizeram as provas no ano passado. Master Consultoria diz que não houve irregularidades no concurso anulado.

Após a anulação do concurso da prefeitura de Boca da Mata, a Master Consultoria de Negócios Ltda, que foi responsável pela organização das provas, rebateu as denúncias de irregularidades que constam na publicação da prefeitura no Diário Oficial de quarta-feira (13). Em nota enviada à imprensa, a empresa diz que as alegações feitas pelo Município não têm fundamento e que não vai ressarcir os candidatos do valor pago pela taxa de inscrição.

Segundo a nota, houve um equívoco no decreto anulatório que traz a informação de que os candidatos inscritos no concurso deverão ser ressarcidos pela Master Consultoria. Segundo a empresa, o pagamento via boleto bancário remeteu toda a arrecadação dos valores das inscrições direto para a conta bancária do Município, sendo dele o dever de ressarcir aos candidatos, em caso de manutenção da anulação.

“É importante ainda destacar que a empresa está somando prejuízo financeiro, posto que contraiu várias despesas para a realização do evento, sem, até o momento, ter recebido a quitação do pagamento pela prestação dos serviços ao município, tendo, inclusive, protestado e já estar viabilizando o processo de execução da dívida perante os órgãos competentes”, diz a nota.

Cerca de 7 mil candidatos se inscreveram para concorrer às 183 vagas disponibilizadas em diversos setores da Prefeitura. O concurso foi realizado em maio do ano passado e, um mês depois, foi suspenso pelo Ministério Público de Contas (MPCO).

O processo que analisa os indícios de irregularidades ainda está em tramitação no TCE, mas a Prefeitura Municipal determinou a anulação do certame antes mesmo da conclusão das investigações. A publicação diz que a decisão foi motivada por irregularidades na contratação da empresa responsável pelo planejamento, organização e realização das provas e processamento do resultado do concurso.

Empresa rebate acusações
A empresa diz na nota que as alegações de irregularidade são inverídicas. “a Master Consultoria cumpriu todos os procedimentos e prazos regulamentares necessários ao planejamento, convocação pública e realização do referido concurso, tendo entregue todos os relatórios dos resultados na sede administrativa do município de Boca da Mata em 13.01.2013, restando como única pendência à plena conclusão do concurso, o ato de homologação pelo chefe do executivo municipal”.

A empresa diz ainda que os candidatos se inscreveram regularmente e a prefeitura tenta se amparar em três casos isolados. A empresa orienta que os candidatos se organizem e busquem seus direitos através do Ministério Público e do poder legislativo local.

Fonte: G1

Saiba mais no SOS Concurseiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login