Home » News » Manaus: Semed criará 2.124 vagas para concurso público

Certame está em fase de definição orçamentária pela Secretaria de Finanças. Edital, no entanto, será lançado este ano

Os concurseiros de plantão já devem começar a intensificar os estudos, pois mais dois órgãos anunciaram que planejam lançar seus editais, sendo um para os próximos meses e outro no início de 2014. A Secretaria Municipal de Educação de Manaus (Semed) deve anunciar em setembro o certame para o preenchimento de 2.124 vagas. Já a Câmara Municipal de Manaus (CMM) pretende em janeiro divulgar o edital dos profissionais que irão compor o quadro da TV e rádio da autarquia.

Segundo a chefe da divisão de pessoal da Semed, Altina Magalhães, atualmente o processo para a realização do concurso está em levantamento orçamentário na Secretaria Municipal de Economia e Finanças (Semef). “Serão ao todo duas mil vagas somente para professores, tanto para educação infantil quanto fundamental, e 124 serão para pedagogos”, informou.

Os profissionais irão preencher o déficit de professores nas escolas municipais em todas as zonas da cidade. A carga horária será de 20 horas semanais e o salário será de R$ 1.344,89, mais R$ 132 de vale transporte e R$ 200 para alimentação. Já os que atuaram na área rural, receberão uma gratificação e, por conta disso, receberão R$ 1.689,49, além dos benefícios citados.

CMM
De acordo com a CMM, devido o orçamento de 2013 não permitir a realização do concurso público este ano, a Casa pretende lançar apenas no início do próximo ano o edital para atender as necessidades da TV e da Rádio Câmara Manaus, que, neste segundo semestre, estarão passando por um processo de reestruturação a fim de assegurar a implantação do sistema digital.

A diretoria de comunicação da CMM revela que foi realizado um levantamento prévio das funções e entre os cargos que farão parte do certame serão: motorista, técnico de manutenção de rádio e TV, intérprete de libras, locutor, editor de imagem, repórter, editor de imagem, operador de áudio, fotógrafo, web designer, assistente administrativo e iluminador.

Será necessário que os aprovados no concurso tenham registro nos órgãos regulatórios e a previsão é que os mesmos assumam seus postos de trabalho ainda no primeiro trimestre de 2014. Como a TV Câmara passará a ter uma programação 24 horas, os profissionais trabalharão em regime de turnos. “Ainda estamos levantando a quantidade de vagas e salários, mas até o final do mês devemos ter isso já concluído”, adiantou a diretoria.

Será elaborado um Projeto de Lei para a criação desses cargos, já que eles foram extintos em 2009, que foi quando a Câmara optou em contratar uma empresa terceirizada para a prestação do serviço. Dentro de 60 dias deve sair a licitação para a compra de equipamentos de TV e rádio e, a da empresa.

Fonte: A Crítica

Saiba mais no SOS Concurseiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login