Home » News » Prova da PM-TO reprova mais de 100 e comissão vai fazer novas chamadas

Dos 379 candidatos avaliados até agora, 258 foram considerados inaptos. Nesta terça-feira (2) a PM vai divulgar últimos dados das provas.

A Polícia Militar vai ter que convocar mais candidatos para a segunda fase do concurso no Tocantins. A informação foi passada pelo presidente da Comissão do Concurso Público, tenente coronel Jaizon Veras Babosa. Dos 379 candidatos avaliados até agora na etapa das provas físicas realizadas entre os dias 27 e 30 de junho, 258 já foram considerados inaptos para a próxima etapa do certame. Além disso, 79 candidatos não compareceram ou não apresentaram a documentação exigida em edital.

No total, 600 candidatos foram classificados para a segunda etapa. Nesta terça-feira (2) a comissão do concurso vai divulgar o balanço das provas realizadas em Palmas no início desta semana, mas Barbosa adiantou que a Comissão deve chamar mais candidatos classificados na primeira fase. Por enquanto a PM não tem certeza sobre o número de candidatos, nem quando eles devem ser convocados. “Nós ainda vamos abrir o prazo para os reprovados que quiserem entrar com recurso, mas vamos ter que convocar mais, isso é certeza,” disse ele.

O concurso oferece 300 vagas para soldados, sendo 270 para homens e 30 para mulheres. Até o momento foram aprovados 124 candidatos e 15 candidatas nas provas de aptidão física que incluem testes de flexibilidade, flexão de braços, natação, barra fixa ou suspensão na barra, flexão abdominal e corrida aeróbica.

As demais etapas são: avaliação psicológica, realização de exames médicos e odontológicos, investigação social e, por último o Curso de Formação de Soldados. As datas para estas etapas ainda não foram divulgadas.

Fonte: G1

Saiba mais no SOS Concurseiro

1 Comment

  1. anderson disse:

    quanto vamos poder entra com recuso?nós quer ficamos reprovados na prova objetiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login