Home » News » Concurso da Saúde não será suspenso, afirma governo de RR

Decisão foi tomada mesmo após posicionamentos do MPC/RR e MPRR.  Órgãos pedem um plano de segurança para a execução do concurso.

Após recomendações feitas pelo Ministério Público de Contas de Roraima (MPC/RR) e o Ministério Público do Estado de Roraima (MPRR), pedindo a suspensão das provas do concurso público da Saúde, o governo de Roraima garantiu, depois de uma reunião ocorrida na tarde desta terça-feira (20), a realização do certame. Os órgãos pedem a implantação de um plano de segurança para a execução do concurso, marcado para o próximo domingo (25).

A recomendação foi feita à Universidade Estadual de Roraima (Uerr), à Secretaria Estadual de Saúde, e à Secretaria Estadual de Gestão, Estratégia e Administração (Segad) instituições responsáveis pelo concurso. O reitor da unidade de ensino, Hamilton Godim, disse que irá atender as orientações feitas MPC e MPRR.

“Essas recomendações vieram em um momento em que a Universidade Estadual já estava implementando as medidas de segurança para garantir a lisura do concurso da Sesau. Por isso, essas orientações vão nos ajudar a aprimorar os sistemas de segurança do certame”, afirmou Godim, acrescentando que conta com apoio das Polícias Militar e Civil para a realização do concurso.

O reitor ressaltou que a Uerr tem um histórico de concursos públicos já realizados. De acordo com ele, na reunião, realizada com uma comissão da Sesau na tarde desta terça, ficou decidido que as medidas de segurança serão adotadas e até a data do concurso tudo estará garantido para a realização da provas.

Entenda o caso
De acordo com a recomendação do MPC e MPE, é necessária a instalação de câmeras nos locais onde as provas serão guardadas até o dia da aplicação. O mesmo sistema de segurança deve existir no local onde os exames serão confeccionados, além da instalação de detectores de papel que acusem a saída indevida da gráfica de algum funcionário com uma cópia da prova.

É recomendada ainda a adoção de critérios mais transparentes na elaboração das questões de cada área profissional que têm vaga ofertada no certame. A Uerr terá ainda que viabilizar instalações adequadas para trabalhar com a realização de concursos.

Fonte: G1
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *