Home » News » Empresa Gaúcha de Rodovias S/A retifica edital 001/2013 para diversos cargos

A Empresa Gaúcha de Rodovias S/A (EGR) esclarece que foram realizadas alterações no edital 001/2013, destinado ao provimento de 27 vagas e cadastros de reserva. O certame é organizado pela Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH).

O subitem 3.3 do item “i” fica excluído, enquanto que a redação do subitem 3.4.1 teve a redação modificada. Os subitens 3.4.3 e 4.2, assim como o item 7 e os subitens 7.2, 7.4.3, 7.4.5, 7.4.6 também foram alterados.

Na sequência, o subitem 12.9 do item 12 teve sua redação modificada, bem como o Anexo I referente ao cargo de Analista Administrativo – Jornalista.

A jornada semanal passa a ser de 25h e o salário será proporcional à carga.

As oportunidades do certame são para candidatos com nível médio e superior, nas funções de Agente Técnico Administrativo nas funções de Técnico Secretariado, Técnico em Segurança do Trabalho, Técnico Eletrotécnico, Técnico Eletrotécnico e Técnico Eletrotécnico e Assistente Administrativo; e de Analista Administrativo nas funções de Administrador, Advogado, Analista de Sistema, Contador e Jornalista, Analista em Gerenciamento Rodoviário nas funções de Arquiteto Urbanista, Engenheiro Civil e Engenheiro Civil.

Os postos de trabalho citados serão distribuídos entre as cidades de Porto Alegre, Portão, Coxilha, Campo Bom, Santo Antônio da Patrulha, Viamão, Flores da Cunha, Encantado, Boa Vista do Sul, Cruzeiro do Sul, Três Coroas, Gramado, Venâncio Aires, Candelária e São Francisco de Paula e a remuneração prevista terá variação de R$ 1.696,23 a R$ 5.127,15.

Os interessados devem se inscrever até 8 de agosto de 2013, mediante preenchimento da ficha de inscrição disponível no site concursos.fdrh.rs.gov.br, com taxa de R$ 137,19 para concorrer às funções de nível superior e de R$ 60,17 para médio.

Todos os inscritos farão prova objetiva, assim como os concorrentes aos cargos de Analista Administrativo e Analista em Gerenciamento Rodoviário também serão submetidos à prova de títulos.

Fonte: PCI Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *