Home » News » Distrito Federal terá cerca de 1.117 oportunidades até o final do ano

Concurseiros do Distrito Federal têm razões para comemorar. Nada menos do que cinco concursos que abrangem todos os níveis de escolaridade estão engatilhados para terem editais de abertura divulgados nos próximos meses. Ao todo são 1.117 vagas nas secretarias de Saúde, Cultura e Educação; além da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), da Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô/DF) e da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap). Há, ainda, o Tribunal de Contas do Distrito Federal (TC/DF) que ainda não tem número de vagas definido.

Secretarias
A Secretaria de Estado de Cultura do Distrito Federal está autorizada a realizar novo concurso público para o provimento de 100 vagas em seus quadros. A expectativa é de que o edital seja divulgado até o fim do ano. As ofertas serão para os cargos de analista de atividades culturais (nível superior) e técnico de atividades culturais (nível médio). Estão autorizadas 50 oportunidades para cada função.

Os salários para essas funções, em seus estágios iniciais, oscilam entre R$ 3.004,46 e R$ 4.345,03.

A Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES/DF) deve abrir nas próximas semanas, 410 oportunidades para agente comunitário de saúde.  O cargo admite profissionais com o nível fundamental completo. A seleção se dará por meio de processo seletivo simplificado. Não há definição a respeito dos vencimentos que serão oferecidos para esses postos.

O edital com 804 vagas de professor de educação básica foi publicado na última semana, mas a Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal lançará, ainda este ano, edital com 50 vagas para especialista em educação – cargo que demanda graduação em pedagogia.

Terracap
A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal recebeu autorização do Conselho de Política de Recursos Humanos (CPRH) e do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, para realizar concurso visando preencher um total de seis oportunidades, de acordo com documento divulgado na edição do dia 12 de abril do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). As ofertas serão para as carreiras de advogado (4) e médico do trabalho (2).

A agência informou, em publicação no DODF do dia 3 de setembro, que já deu início ao processo de escolha da empresa que será responsável pela organização do certame e fará a abertura das propostas a partir das 10h do dia 8 de outubro.

A última seleção, realizada em 2010 pela Fundação Universa, contava com 39 vagas em diversas áreas e salários de até R$ 3.452,65. As vagas eram para auxiliar de fiscalização, auxiliar de topografia, motorista, desenhista, topógrafo, técnico administrativo, administrador, analista de sistemas, arquiteto, assistente social, economista, avaliador, engenheiro e técnico especialista (arquivista).

A Terracap é uma empresa pública, integrante do Complexo Administrativo do Distrito Federal, e tem como finalidade gerir o patrimônio imobiliário do Distrito Federal, mediante utilização, aquisição, administração, disposição, incorporação, oneração ou alienação de bens, assim como realizar, direta ou indiretamente obras e serviços de infraestrutura e obras viárias na capital federal.

Novacap
A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil terá novo concurso público com a intenção de preencher 379 vagas, além de formar cadastro reserva, em diversos cargos de níveis fundamental, médio e superior.

Na edição do DODF do dia 20 de maio, foi divulgada uma decisão aprovando algumas modificações na proposta de nova seleção. Entre elas estavam a redução do número de vagas de analista de sistemas de 7 para 2, alteração do número de vagas de advogado de 4 para 9 e a transformação de 4 das 27 vagas criadas de engenheiro civil para 2 de engenheiro ambiental e 2 de engenheiro eletricista.

Segundo a assessoria de imprensa do órgão, após a publicação desse documento, o processo deverá ser referendado pelo Conselho de Administração e pelo Conselho de Política de Recursos Humanos (CPRH) da Secretaria de Estado de Administração Pública do Governo do Distrito Federal (SEAP/GDF). Somente após a autorização da SEAP, a Novacap poderá dar continuidade aos trâmites para a realização do concurso público. A expectativa é que o edital seja publicado até o final do ano.

A companhia conta atualmente com 1,8 mil empregados efetivos e o último concurso foi realizado em 1996.

Metrô
É questão de tempo a abertura do concurso para ingresso na Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô/DF) depois da aprovação do novo plano de carreiras e salários dos metroviários de Brasília. A medida era defendia pelos metroviários e acarretou no atraso do edital previsto inicialmente para o fim de 2012.

Com o novo plano, o piso salarial dos funcionários do Metrô/DF passará de R$ 1.680, 77 para R$ 2.793,62 na área administrativa, e de R$ 1.989,04 para R$ 3.041,53, na área operacional. Os aumentos concedidos à categoria estão acrescidos de outros benefícios como o reajuste de 12% do INPC (índice usado para reajustar o preço do trabalhador), acumulado de 2012 e 2013, e auxílio-alimentação de R$ 924.

A assinatura do plano, no entanto, deve repercutir no número de vagas do edital. Neste momento, a direção do Metrô não precisa se serão mantidas as 232 vagas originalmente autorizadas para provimento. Essa decisão fica na pendência de uma revisão orçamentária já considerando as novas incumbências contratuais do órgão que dispõe de 900 funcionários segundo do governo do Distrito Federal. O Metrô esperava divulgar o edital até o fim do mês.

Mais ofertas
Outro concurso que deve movimentar Brasília nofinal do ano será o que proverá vagas nos cargos de auditor de controle externo, analista de administração pública e técnico de administração pública dos quadros do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TC/DF).

Consultada, a assessoria de imprensa do órgão informou que as comissões dos respectivos concursos (um edital será para auditor e outro para os outros dois cargos) já foram constituídas e que irão proceder os estudos técnicos que viabilizarão os concursos. Caberá a esses colegiados elencar as prioridades da seleção, o número de vagas a ser disponibilizado para cada cargo e a escolha da organizadora.

Fonte: JC Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login