Home » News » IBGE publicará três editais até o final de setembro

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que o concurso com objetivo de preencher um total de 440 oportunidades será dividido entre três editais: um para os cargos de analista e tecnologista, outro para técnico e mais um para pesquisador. O extrato de termo aditivo foi publicado na edição de hoje (16) do Diário Oficial da União.

De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, apesar da divisão em diferentes editais, a previsão é de que os documentos sejam disponibilizados até o final do mês.

As ofertas envolvem as carreiras de pesquisador em informações geográficas e estatísticas (20); tecnologista em informações geográficas e estatísticas (60); analista de planejamento, gestão e infraestrutura em informações geográficas e estatísticas (60); e técnico em informações geográficas e estatísticas (300). Para o último, o candidato deve possuir nível médio. Os demais postos exigem ensino superior completo.

Segundo o órgão, as 140 vagas de nível superior (pesquisador, tecnologista e analista) serão preenchidas no Rio de Janeiro. Já o único posto de nível médio (técnico) terá as 300 oportunidades distribuídas entre diversas unidades da federação.

Os salários iniciais, segundo a última tabela de servidores federais, correspondem a R$ 5.909,63 (analista e tecnologista), R$ 6.557,47 (pesquisador) e R$ 2.491,88 (técnico). As jornadas de trabalho são de 40 horas semanais e os nomeados ainda contam com benefícios como auxílio-alimentação e auxílio-transporte.

Em publicação no Diário Oficial da União do dia 20 de agosto, foi definido, por meio de dispensa de licitação, que a Fundação Cesgranrio será a empresa responsável pela organização do certame.

As últimas seleções também foram organizadas pela Cesgranrio (exceto pesquisador) e aconteceram nos anos de 2009 (analista e tecnologista – 350 vagas), 2008 (pesquisador – 13 vagas) e 2006 (técnico – 649 vagas).

Postos temporários
O instituto também tem autorização do Planejamento para contratar, por tempo determinado, 7.825 profissionais para a realização de pesquisas econômicas e sociodemográficas. Serão 7.600 vagas para agente de pesquisa e mapeamento (nível médio), 27 para analista de geoprocessamento (nível superior), 180 para agente de pesquisa por telefone (nível médio) e 18 para supervisor de pesquisa por telefone (nível superior). As contratações temporárias serão efetuadas por meio de processo seletivo simplificado e o prazo de duração dos contratos deverá ser de até um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de dois anos.

Fonte: JC Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login