Home » News » Justiça proíbe todos os contratos temporários na saúde do DF

Saúde terá que substituir os servidores temporários por concursados

A Justiça proibiu todos os contratos temporários na Secretaria de Saúde do DF. Com isso, o GDF (Governo do Distrito Federal) está impedido de prorrogar os contratos que envolvem 1900 servidores, entre médicos e técnicos de enfermagem.

A decisão foi tomada depois que o Ministério Público moveu uma ação dizendo que o governo descumpriu o TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), firmado em 2011, que permitia a contratação temporária destes profissionais por até seis meses, desde que fosse realizado um concurso público.

Segundo o promotor responsável pelo caso, o GDF ignorou o TAC e fez contratações aleatórias. A Secretaria de Saúde do DF informou que já foi notificada e que a substituição dos contratos pelos servidores concursados já está em andamento e que, até o fim do ano, um edital para novo concurso público deve ser divulgado.

Fonte: R7
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login