Home » News » Concursos do IBGE têm 132 mil candidatos inscritos; veja local de provas

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) angariou, em seus três concursos públicos em aberto, 132.623 inscritos, segundo dados da Fundação Cesgranrio, a banca organizadora dos certames. A seleção com maior número de participações é a de 300 vagas, com 119.207 concurseiros (concorrência de 397 por vaga); seguida da seleção com 120 oportunidades (13.071 candidatos – são 108 inscritos por vaga) e da seleção com 12 chances (345 – 28 por vaga).

Os dois primeiros concursos terão aplicação de provas já no próximo domingo (1º/12). Confira aqui seus locais de prova se você concorre na seleção de 300 vagas, e aqui se participa do certame com 120 chances.

Os exames do concurso com 12 oportunidades acontecerão apenas no dia 8 de dezembro e os locais ainda não foram divulgados.

Saiba mais
O primeiro concurso do IBGE oferta 300 vagas para os cargos de técnico em informações geográficas e estatísticas. As vagas para técnico são para cidades interioranas dos estados do Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins. Para concorrer é preciso ter nível médio.

O salário vai de R$ 2.813,10 a R$ 4.210,49, mais R$ 373 de auxílio-alimentação e R$ 167,70 de assistência à saúde para jornada de trabalho de 40 horas semanais. Haverá prova objetiva, em 1º de dezembro, com questões de língua portuguesa, raciocínio lógico, geografia, conhecimentos específicos e gerais e noções de informática.

Já o segundo tem 120 chances para analista e tecnologista, sendo 60 para cada cargo. Concorrem graduados nas áreas de auditoria, ciências contábeis, cartografia, geoprocessamento, geografia, estatística, biblioteconomia, edição de vídeo, entre outras. Para esses, a remuneração varia de R$ 6.355,60 a R$ 7.930,24, podendo chegar a R$ 8.531,24 de acordo com a titulação, mais R$ 373 de auxílio-alimentação e R$ 167,70 de assistência à saúde. A jornada de trabalho é de 40 horas por semana.

Serão aplicadas provas objetiva, discursiva e prática, na mesma data de aplicação ao cargo de técnico. A avaliação objetiva exigirá conhecimento em línguas portuguesa e inglesa, raciocínio lógico quantitativo e conhecimento específico.

Já no concurso que oferta 12 vagas, o cargo é o de pesquisador em informações geográficas e estatísticas, em diversas áreas de conhecimento. O salário é de R$ 4.458,58, mas pode chegar a R$ 8.907,45 para os candidatos que possuem doutorado. Podem concorrer graduados em engenharia, geografia, análise de sistemas, ciência da computação, informática, geologia, administração ou em qualquer outro curso superior. Alguns postos exigem, ainda, mestrado. As áreas de conhecimento oferecidas são administração de dados geoespaciais, demografia, finanças públicas, geodésia física, geografia agrária, geomorfologia, gestão da qualidade, pedologia, sistema financeiro, sociologia rural e sociologia/economia com olhar social.

Do total de vagas, uma é reservada a candidatos com deficiência. Os inscritos serão avaliados por prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, e análise de títulos, classificatória. O exame terá duração de cinco horas e está previsto para ser realizado em 8 de dezembro, no Rio de Janeiro. O prazo de validade do concurso será de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.

Fonte: Correio Web

1 Comment

  1. weberson de aguiar pereira disse:

    boa sorte a todos .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *