Home » News » Detran/RJ: Concurso continua causando polêmica

Após o intenso debate em relação aos critérios de correção da prova de redação, surge uma nova polêmica acerca do concurso do Departamento de Trânsito do Rio de Janeiro (Detran-RJ): na última segunda, dia 11, um grupo de candidatos começou a desconfiar de possíveis fraudes na seleção, após a divulgação do resultado preliminar. Segundo eles, dois concorrentes que obtiveram notas muito altas são funcionários da autarquia. Além disso, esse grupo ainda apontou um outro participante como sendo filha de uma funcionária, que não foi tão bem na prova objetiva, mas tirou nota máxima na redação.

O Detran, por meio da Assessoria de Imprensa, informou que o “concurso público permite a inscrição de qualquer pessoa que efetue a inscrição e pague a taxa do concurso. O concurso do Detran observou os princípios constitucionais da isonomia e da eficiência e, por consequência imediata, o da impessoalidade, tendo sido assegurado aos candidatos igualdade de chances e condições”. Ainda de acordo com a autarquia, “o fato de terceirizados do Detran ou filhos de funcionários terem ou não passado no concurso não representa qualquer irregularidade, uma vez que os candidatos foram aprovados, independentemente de qualquer situação pessoal”.

Para o advogado José Manuel Duarte Correia, o fato de alguns funcionários do Detran estarem na lista de aprovados, tendo boas notas, não significa que o concurso possa ter sido fraudado, como sugere alguns candidatos. No entanto, segundo ele, o Ministério Público deveria averiguar se houve ou não algum problema com a seleção. “O histórico do Detran sugere um maior cuidado com toda e qualquer passagem que denote a possibilidade de fraude, mas não dá para afirmar que isso aconteceu ou não. Obviamente, muitos terceirizados do Detran devem ter prestado o concurso e até obtido boas notas por merecimento. Até mesmo filhos de funcionários devem ter participado da seleção, o que é supernormal. Mas é dever do MP averiguar toda e qualquer notícia para investigar algo que possa prejudicar o interesse púbico”, disse.

O advogado atuante na área de concurso Marcos César Gonçalves de Oliveira também considera que o acontecimento não significa que há irregularidade, mas deve ser investigado. “Dá pra entender que o candidato pense que isso é um indício de fraude e que essas pessoas tiveram informações privilegiadas porque estavam lá dentro. Quem se sentir prejudicado deve entrar na justiça o mais rápido possível, denunciar ao MP”, explicou.

Outras polêmicas – Outro ponto debatido pelos participantes da seleção é quanto aos recursos interpostos contra a nota da redação, pois nenhum foi deferido pela banca examinadora. Até o fechamento desta edição, a Makiyama não respondeu ao questionamento. De acordo com Marcos César, não tem cabimento nenhum recurso ter sido aceito. “Não tem como todos os recursos terem sido indeferidos. É muito difícil isso acontecer”, opinou.

Os candidatos também questionam os critérios de correção da prova de redação em relação ao número de linhas. Alguns candidatos alegaram que foram prejudicados com a correção dos textos, enquanto outros reconheceram que a organizadora seguiu as regras do edital.

Fonte: Folha Dirigida
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

7 Comments

  1. Anne disse:

    Quando eu resolvi fazer este concurso eu já imaginava que teria alguma polêmica, porque uma amiga que fazia preparatório comigo contou uma história no mínimo curiosa. Ela disse que estava no salão quando uma mulher que se dizia terceirizada do detran rj estava falando que iria se inscrever no concurso porque o chefe dela havia mandado todos se inscreverem. O início eu até achei estranho, agora faz todo sentido!!! Lamentável, mas tenho fé que dará tudo certo. Mesmo tendo tido 1 ponto roubado, meu recurso indeferido estar na 300 e alguma coisa na colocação.

  2. Cotista disse:

    Concurso do Detran-RJ 2013 continua “errando”.

    Publicação de Hoje no DOERJ ,convocação de assistente técnico de trânsito demonstrou, mais uma vez, a incompetência ou através de motivos escusos a não observância da contratação pela lei de cotas.
    Os melhores colocados da cota não foram para ampla…e sim o contrário.
    Os melhores colocados com nota para figurarem na lista de ampla concorrência, estão na lista de cotas prejudicando, desta forma, aqueles com colocação mais baixa e com direito à cota conforme a lei de cotas e o constante no edital conforme segue!

    EDITAL Nº 001 /2013

    DISPÕE SOBRE O CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE
    PROVIMENTO EFETIVO, DE NÍVEL MÉDIO, PERTENCENTES À PARTE
    PERMANENTE DO QUADRO DE PESSOAL DO DETRAN-RJ

    3.5.1. O candidato portador de deficiência que, na listagem geral com a pontuação de todos os
    candidatos, obtiver classificação dentro do número de vagas oferecidas para ampla
    concorrência, será convocado para assumir essa vaga, independentemente de estar inscrito
    no concurso como portador de deficiência.
    .
    .
    .
    4.5.2. Os candidatos negros e índios que, na listagem geral com a pontuação de todos os
    candidatos, obtiverem classificação dentro do número de vagas oferecidas para ampla
    concorrência, serão convocados para assumir essa vaga, independentemente de estarem
    inscritos no Concurso como candidatos negros e índios.

  3. Kintango disse:

    Este concurso não era nem pra ter sido realizado, pois o MPT têm uma sentença julgada pela 5ª vara do trabalho informando que o concurso de 2009 foi fraudado pela autarquia no item do art 37 paragrafo 4º da CF. Existia como inclusive foi comentado acima do texto supra- citado terceirizados ocupando funções efetivas e todos deviam ser demitidos para que houvesse convocações fora o edital. O Detran se negou a fazer, a justiça e o MTP fizeram sindicância, comprovaram a realidade mas mesmo assim foi liberado novo certame. Simplismente O PMDB juntamente com o judiciário fazem o que bem desejam no RJ.
    A terceirização reina no RJ pois financia várias e várias atitudes políticas e enriqeceimento de “colegas” de “autoridades”.
    ACP 0104000-48-2004-5-01-0005 basta acessar e verão as irregularidades e o que foi sentenciado contra o Detran RJ. Caso os blogueiros queiram denunciar pra mídia fiquem a vontade contudo DÚVIDO que alguma rede de TV publiquem pois são todos comprados. Caso desejem anunciar na mídia, como disse, fiquem a vontade só assim a justiça fará alguma coisa.

  4. Kintango disse:

    Errata.
    Aonde se lê enriqeceimento, leia-se enriquecimento.

  5. claudio disse:

    Enquanto no edital dizia que acertando 50/ da prova. estaria apto para a correcao da prova fui eliminado com 60/ de acertos. Sem prepotencia tenho certeza de ter feito uma boa redacao. Sou teologo,economista e escritor. Para o DETRAN RJ palhaco! _

  6. Sérgio Pereira de Carvalho disse:

    Ainda não consegui ver nenhuma lista com os nomes dos convocados concurso 2013 DETRAN/RJ. Onde posso encontrar essa lista com os nomes dos convocados?

  7. Anderson disse:

    Não entendo como ninguém consegue acessar a lista atualizada do detran rj 2013? sinto cheiro de fraude no ar!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login