Home » News » Serpro: Definida organizadora de novo concurso

O Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) vai abrir novo concurso em breve. Foi publicado no Diário Oficial da União, nesta quinta, dia 14, um extrato de dispensa de licitação para a contratação do Instituto Quadrix para ser o organizador de seleção para suprir vagas não preenchidas no certame realizado no início deste ano.

Os cargos que serão contemplados e as cidades de lotação ainda não foram informados, o que deverá acontecer em breve. No concurso realizado no início deste ano, as oportunidades foram para as funções de técnico (médio/técnico em Segurança do Trabalho, Enfermagem, Telecomunicações ou Eletrônica e Tecnologia da informação) e analista (superior em Tecnologia da Informação, Direito, Arquivologia, Biblioteconomia, Comunicação Social, Pedagogia, Engenharia ou Arquitetura, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, RH ou Gestão de Pessoas, Gestão Empresarial ou Economia ou Administração ou Ciências Contábeis ou Estatística ou Gestão Comercial ou Gestão da Qualidade ou Gestão Pública ou Marketing).Pela edital anterior, a remuneração dos analistas, com carga de 30 ou 40 horas de trabalho semanais, foi de R$5.836,54, com gratificação e auxílio-alimentação incluídos. Para 20 horas, o valor foi de R$3.234,59. Já para técnico, os ganhos foram R$2.971,75, para carga de 40 horas por semana. Os contratados ainda terão direito, entre outros benefícios, a plano de saúde e auxílio-creche, de R$261,09. Os selecionados serão contratados pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Na ocasião, os candidatos foram avaliados por provas de conhecimentos básicos e específicos da área de atuação, totalizando 120 questões e, consequentemente, o valor máximo de 120 pontos. Como a seleção foi organizada pelo Cespe/UnB, cada item apresentado precisava ser respondido pelos comandos “certo” e “errado”. Para cada resposta incorreta, o candidato perdia um ponto. Aqueles que obtiverem menos de 36 pontos foram automaticamente desclassificados. As avaliações foram aplicadas em Brasília/DF, Aracaju/SE, Belém/PA, Boa Vista/RR, Campo Grande/MS, Cuiabá/MT, Curitiba/PR, Florianópolis/SC, Fortaleza/CE, João Pessoa/PB, Maceió/AL, Manaus/AM, Natal/RN, Porto Alegre/RS, Porto Velho/RO, Recife/PE, Rio Branco/AC, Rio de Janeiro/RJ, Salvador/BA, São Luís/MA, São Paulo/SP, Teresina/PI e Vitória/ES.

Fonte: Folha Dirigida
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login