Home » News » Ministério da Agricultura: Definida a organizadora para 796 vagas – edital em janeiro

A Consulplan venceu o pregão eletrônico para a escolha da organizadora do concurso para 796 vagas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Somente foi possível realizar a licitação porque o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial (Idecan) desistiu da ação que movia na Justiça para impedir o prosseguimento do processo. O contrato entre as partes será assinado em breve, o que deverá agilizar a elaboração do aguardado edital – com divulgação prevista para janeiro. O prazo limite para a publicação do documento vai até 17 de março de 2014.

Em setembro, o Mapa havia escolhido o Idecan, por dispensa de licitação, como organizador. No entanto, após reportagem do jornal “O Estado de São Paulo” denunciando que os dirigentes do instituto eram ligados ao partido do ministro da pasta, Antônio Andrade (PMDB-MG), o órgão resolveu revogar a escolha – o contrato era de cerca R$5 milhões. Desse modo, o processo foi parar na Justiça.

O concurso terá oferta 232 vagas para fiscal agropecuário, com rendimentos de R$11.904,69, incluindo R$373 de auxílio-alimentação. De acordo com o termo de referência do concurso, poderão concorrer graduados em Agronomia (81), Veterinária (119), Química (20) e Farmácia (12). Ainda no nível superior, com remuneração de R$4.353,62, haverá vagas para bibliotecário (2), psicólogo (2) e contador (6). Também haverá quatro oportunidades para economista, três para engenheiro (Engenharia Civil ou Engenharia Elétrica) e três para geógrafo. Os ganhos são de R$5.154,18.

No ensino médio, o destaque será o cargo de agente de inspeção, com oferta de 100 vagas e rendimentos de R$5.930,17. Também deverá mobilizar muitos candidatos a função de agente administrativo (médio, com remuneração de R$2.943,02), que oferecerá 110 vagas. Haverá, ainda, 184 oportunidades para técnico de laboratório (médio, mais formação técnica na área) e 50 para agente de atividades agropecuárias (formação em técnico agrícola ou técnico agropecuário). Para ambos, os ganhos são de R$5.930,17.

Para técnico em Contabilidade (médio/técnico) serão oferecidas cinco vagas, com rendimentos R$2.943,02). O cargo que deve atrair mais candidatos é o de auxiliar de laboratório. Nesse caso, a exigência é o nível fundamental. São 70 vagas, com rendimentos de R$3.916,89. Não haverá oportunidades para o Rio de janeiro. Os residentes no estado podem optar por concorrer às vagas para as demais localidades da região Sudeste. Será necessário viajar para fazer as provas, que somente serão realizadas nas capitais dos estados com vagas.

Fonte: Folha Dirigida
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

1 Comment

  1. Artur disse:

    Boa tarde amigos. Qual banca vocês acham mais parecida com a Consulplan?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login