Home » News » Ministério do Turismo retifica pela 2ª vez o concurso com 52 vagas de nível superior

O Ministério do Turismo, por meio da Escola de Administração Fazendária (Esaf) divulgou a segunda retificação referente ao concurso, regulamentado pelo edital nº. 79/2013, com 52 vagas, sendo 49 de ampla concorrência e três reservadas às pessoas com necessidades especiais.

Essa nova publicação retifica o anexo I (programas), no que se refere à Legislação Aplicada ao MTur, passando a vigorar o Decreto nº. 7.994, de 24 de abril de 2013.

Todas as oportunidades são para profissionais com formação em curso de nível superior, com registro no órgão de classe, para as seguintes funções: Analista Técnico-Administrativo (37); Contador (3); Engenheiro (10); e Estatístico (2).

A remuneração total para Analista Técnico-Administrativo e Contador é de R$ 4.247,82 e para Engenheiro e Estatístico é de R$ 5.212,38.

Os interessados devem inscrever-se pelo endereço eletrônico www.esaf.fazenda.gov.br, no período entre às 10h do dia 16 de dezembro de 2013 e 23h59 do dia 29 de dezembro de 2013, mediante pagamento da taxa de R$ 90,00.

O concurso constará de prova objetiva, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório, com questões sobre Língua Portuguesa, Ética do Servidor na Administração Pública, Raciocínio Lógico Quantitativo, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Legislação Aplicada ao MTur. Também haverá objetiva de Conhecimentos Específicos.

Em outra ocasião foi divulgada a retificação I, que alterou a sigla correspondente ao registro no Conselho Regional de Contabilidade, onde o correto é “CRC”. Também teve uma mudança na redação constante no anexo I (Programas de Prova), para cargo de Analista Técnico-Administrativo, que passou a vigorar com o seguinte texto: “10 – Manual de Orientação para o Arranjo Institucional de Órgãos e Entidades do Poder Executivo Federal. 11 – Manual Técnico de Orçamento 2014. 12 – Decreto n. 6.932, de 11 de agosto de 2009”.

O prazo de validade do concurso será de um ano, prorrogável por igual período, contado a partir da homologação do resultado final do concurso.

Fonte: PCI Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login