Home » News » TRT-15 anula provas discursivas para o cargo de analista judiciário da área administrativa

Após a publicação do gabarito oficial, na última quarta-feira, dia 18, o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, com sede em Campinas, pegou de surpresa os candidatos de seu concurso público. O presidente do órgão, desembargador Flavio Allegretti de Campos Cooper publicou, na noite desta quinta-feira (19), um comunicado oficial desembargador informando a anulação da prova discursiva para o cargo de analista judiciário da área administrativa.

De acordo com o Tribunal a prova, elaborada pela Fundação Carlos Chagas, contou com um conteúdo inadequado, pois utilizou o texto de uma servidora do próprio Tribunal, que na ocasião era uma das candidatas ao cargo. De acordo com o comunicado o presidente considera que o ocorrido fere o cumprimento dos princípios da isonomia, impessoalidade e moralidade que permeiam os concursos públicos.

O documento ainda a informa que todos os candidatos ao cargo, que realizaram a prova no último dia 15 de dezembro, serão convocados, por meio de edital, para realizarem nova prova discursiva no dia 2 de fevereiro de 2014, no período da manhã. A versão oficial pode ser conferida no site do TRT15

Fonte: Folha Dirigida
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

2 Comments

  1. Deco disse:

    E o Edital que se dane?

    Capítulo XV, Item 10.

    “O(s) ponto(s) relativo(s) à(s) questão(ões) eventualmente anulada(s) será(ão) atribuído(s) a todos os candidatos presentes à prova, independentemente de formulação de recurso.”

  2. luiz disse:

    Não caberia uma anulação na prova inteira?
    Vejamos: Dispensei cerca de 30 minutos para fazer aquela prova dissertativa ( claro, sem contar o tempo para transcrever para a folha de respostas), Pois bem, evidentemente a candidata autora do texto se beneficiou e muito! Ora, caso eu mesmo tivesse desenvolvido o texto base para a questão não levaria mais de 10 minutos para redigir uma resposta. Há de se notar que a candidata foi beneficiada em toda a prova com isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login