Home » News » BA: Aprovados em concurso público há sete anos cobram nomeação

Um grupo de pessoas, que foram aprovadas em um concurso público para a função de coordenador pedagógico em 2006, realizou uma manifestação no portão de acesso ao prédio da Direc 02 nesta terça-feira (28), em Feira de Santana. Com um bolo de chocolate em mãos e uma vela de número sete, representando o tempo de espera pela nomeação no concurso, eles foram buscar junto à Direc explicações do por que ainda não foram contratados pelo Estado.

Em toda a Bahia, foram mais de 800 aprovados no concurso de 2006 para os cargos de coordenador e professor, sendo que 535 pessoas ainda não foram nomeadas. Para Feira de Santana foram 60 vagas, entre professor e coordenador, mas apenas um foi chamado, segundo informou Cristiano Rodrigues de Abreu, uma das pessoas que aguardam a nomeação.

“As escolas têm carência desses profissionais, até mesmo porque o coordenador pedagógico é quem faz a articulação entre professor e aluno. É um profissional de total importância”, afirmou Cristiano, acrescentando que a validade do concurso expirou em 2010, sendo que os concursados entraram com mandado de segurança individual, e a APLB entrou com mandado de segurança coletivo, mantendo a validade do concurso.

De acordo com Cristiano, o governo alega que existe um impedimento judicial, mas ele defende que a partir do momento que as pessoas prestaram o concurso de forma legal, o governo tem a obrigação de convocar todos os aprovados.

Germano Barreto, presidente da APLB-Feira, afirmou que essa situação é um absurdo. “Eles já foram ao Ministério Público, já têm sete anos esperando. O atual secretário estadual de Educação, Oswaldo Barreto, autorizou uma matéria no Diário Oficial se comprometendo a convocar todos em obediência à promotoria. A Direc fez uma reunião com os aprovados dando parabéns pela vitória no concurso, mas até hoje nada. É preciso que os concursados sejam respeitados”, ressaltou.

Fonte: Tribuna da Bahia
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

1 Comment

  1. caroline disse:

    Olá
    Eu sou uma das pessoas aprovadas no concurso e estou indignada com a forma que o Estado tem tratado a educação. Considerando toda problemática que estamos cansados(as) de ouvir e o valor de um coordenador (a) dentro do ambiente escolar. Quais os verdadeiros interesses que movem esse país? Já que a verba existe e devem ser destinadas para uma educação de qualidade… E os alunos, professores, a sociedade onde ficam nessa história? a violência a miséria tem aumentado de forma alarmante… O que mais me intriga é que depois de 7 anos o governo foi obrigado a convocar ( já vai fazer um ano) e ainda não nomeou ….Onde vamos parar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *