Home » News » Diretor de gestão do Cnen prevê edital para fevereiro

A Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen) pretende publicar o edital de seu concurso em fevereiro. O diretor de gestão institucional do órgão, Cristovão Araripe, em entrevista ao Jornal dos Concursos, confirmou que o prazo é março, mas pretendem antecipar a publicação. A organizadora deve ser anunciada até o próximo dia 31. A intenção é aplicar as provas em maio, para que até julho os aprovados sejam convocados. Com isto, a comissão deve solicitar outro concurso.

Serão 86 vagas, sendo 30 para nível médio e 56 para superior. Para médio, as opções são para assistente (20 vagas) e técnico (10), ambos com inicial de R$ 2.866. Para superior são para analista (18) e tecnologista (38). Para analista, o inicial é de R$ 5.206, mas pode chegar a R$ 8.405,16, de acordo com a formação do servidor. Para tecnologista será para as áreas Junior, pleno I e pleno II, com salários de R$ 5.206,16 a R$ 10.752,87. Do total de vagas, 11 serão para São Paulo, sendo 1 de analista, 9 de assistente e uma de tecnologista.

Como benefícios, o Cnen oferece auxílio alimentação de R$ 304, auxílio transporte e auxílio pré-escola de R$ 89 por filho com idade até 5 anos e 29 dias, além de assistência médica.

Jornal dos Concursos & Empregos – O Cnen realizará concurso para 86 vagas de ensino médio e nível superior. Quando o edital deve ser publicado?
Cristovão Araripe Marinho – Nosso limite é até o final de março. Mas pretendemos antecipar isto, para que ocorra em meados de fevereiro.

JC &E– Já está definida a distribuição de vagas por estados?
CAM–Para analista serão para São Paulo (1 vaga), Goiás (1), Pernambuco (1), Minas Gerais (2) e Rio de Janeiro (13). Para assistente, para São Paulo (9), Rio de Janeiro (10) e Pernambuco (1). Para tecnologista, para São Paulo (1), Rio de Janeiro (36) e Bahia (1). Finalmente, para técnico, no Rio de Janeiro (5), Minas Gerais (3) e Pernambuco (2). Para tecnologista, de um total de 38 vagas, 28 serão para Junior, 9 para pleno I e 1 para pleno II.

JC &E– As remunerações podem aumentar de acordo com qualificações e titulações. Como funciona ?
CAM – Para assistente, o inicial é de R$ 2.866, mas muda para R$ 3.318 para CG I, R$ 3.747 para II e R$ 4.628 para III. Essa mudança de I, II e III corresponde a complementos, com a especialização do servidor. Para analistas e tecnologistas júnior o inicial é de R$ 5.206,16, passando para R$ 6.028,16 com especialização, R$ 6.807,16 para mestrado e R$ 8.405,16 para doutorado. Para tecnologista pleno I o inicial é de R$ 5.852,05, passando para R$ 6.789,05 com especialização, R$ 7.677,05 para mestrado e R$ 9.501,05 para doutorado. Para tecnologista II, é de R$ 6.591,87, passando para R$ 7.660,87 com especialização, R$ 8.672,87 para mestrado e R$ 10.752,87 para doutorado. O concurso contará com vagas para as três modalidades de tecnologista.

JC&E- Como está o processo de escolha da empresa organizadora ? Quando isto poderá ser confirmado ?
CAM –Nossa intenção é de que seja anunciada até o próximo dia 31. Convidamos aproximadamente 60 organizadoras e uma foi escolhida por menor preço. A confirmação depende da análise jurídica.

JC&E – Já existe uma programação de quando as provas poderão ser aplicadas ?
CAM –Nossa intenção é de que ocorram em maio.

JC&E– O processo de seleção contará apenas com provas objetivas para todos os cargos ?
CAM – Haverá provas objetivas e títulos para todas as opções. Para os tecnologistas também haverá avaliação oral.

JC &E–Já existe uma previsão de quando serão iniciadas as convocações ?
CAM– Nossa intenção é convocar todos, dentro das vagas oferecidas, até julho.

JC&E – É possível que sejam convocados remanescentes posteriormente?
CAM–As convocações devem ocorrer de forma rápida. Caso não compareça, chamamos o próximo imediatamente, até o total das vagas, que está aquém das necessidades. Não preenche o total que necessitamos.

JC&E – Na sua opinião, qual seria o necessário ?
CAM– Pelo menos mais 350 servidores.

JC&E – Existe a possibilidade destas vagas serem preenchidas por remanescentes?
CAM –Não. O concurso será exatamente para as 86 autorizadas. Assim que encerrado, solicitaremos outro ao Planejamento, para os mesmos cargos, abrangendo as vagas não contempladas.

Fonte: PCI Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login