Home » News » Educação/SP: edital para analista sai até fevereiro

O edital do primeiro concurso público  para o cargo de analista em tecnologia nas áreas de informática e edificações da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo já está em fase bastante adiantada de elaboração. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, a publicação deve ocorrer, no mais tardar, até fevereiro.  A oferta será de 400 vagas, criadas por lei sancionada pelo governador Geraldo Alckmin em junho. Para concorrer é necessário possuir curso de nível superior em áreas específicas.  A remuneração inicial é de R$ 2.900, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

A organizadora já está definida e será a Fundação Vunesp. De acordo com informações da assessoria de imprensa da organizadora, nos próximos dias deverão ser feitas reuniões com representantes do órgão para definir o cronograma do concurso, incluindo prazo de inscrições e data de provas.

As atribuições do cargo correspondem ao desenvolvimento de atividades especializadas em  informatização dos processos administrativos e em infraestrutura. A atuação é focada nos núcleos de informática e de edificação, departamento considerado de extrema importância para a execução de obras, por exemplo. As vagas serão destinadas para as 91 diretorias de ensino e órgãos centrais da Secretaria de Educação.

A criação do cargo ocorreu dentro de um processo de ampliação do quadro de servidores da Secretaria, quando também foram criados mais 418 postos para a carreira de analista administrativo. Neste caso, o preenchimento será feito por meio de nomeação de remanescentes de concursos em validade. Com isto, a pasta pretende retirar professores de cargos administrativos, para quem tenham mais tempo de se dedicar ao trabalho pedagógico.

Fonte: JC Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Login