Home » News » AM: Conselho de Farmácia pede revisão em edital de concurso da Susam

CRF alega que parte do conteúdo exigido não condiz com atuação dos profissionais em campo. Presidente está confiante na revisão e acredita que houve descuido.

O Conselho Regional de Farmácia do Amazonas (CRF-AM) solicitou a revisão do edital do concurso público para a Secretaria de Estado da Saúde (Susam) referente aos cargos de farmacêutico e farmacêutico-bioquímico.

De acordo com a presidente do CRF-AM, Ednilza Guedes, e a conselheira federal, Karla Elias, o edital do concurso público, publicado no dia 10 de fevereiro pelo Diário Oficial do Estado (DOE), apresenta um conteúdo programático que não condiz com a atuação dos profissionais em campo.

“Percebemos que o conteúdo programático para as duas funções não condiziam com a real atividade do profissional em campo. Devido a isso, na quarta-feira enviamos para a Susam, em nome do secretário, um documento, baseado na resolução do MEC, justificando o pedido de mudança e ainda fazendo sugestões para o novo conteúdo programático”, afirmou Karla Elias, conselheira federal do CRF-AM.

“No conteúdo programático para a área do farmacêutico bioquímico, que tem de atuar em laboratórios de análises clínicas, havia conteúdo de farmácia hospitalar, controle de qualidade de medicamentos, entre vários outros itens estritamente relacionados à área de farmacêutico. E vice-versa”, exemplificou a conselheira.

Karla Elias disse ainda que alguns itens presentes no conteúdo são referentes à área de farmacêutico bioquímico de alimentos. Segundo ela, apesar de estar ciente sobre a amplitude da área de atuação do farmacêutico, o cargo é específico, portanto, assim deve ser também o seu conteúdo programático.

“Quanto a isso, pedimos a retirada dos itens, visto que não existe esse quadro funcional na Susam, que emprega somente farmacêuticos bioquímicos para atuar em laboratórios de análises clínicas e em farmácias”, explicou a conselheira federal.

A presidente do conselho, Ednilza Guedes, afirmou também que um e-mail institucional está sendo preparado pela assessoria jurídica do CRF e que este será encaminhado, em breve, para a organizadora do concurso público, Fundação Getúlio Vargas (FGV). Para ela, o problema não passou de descuido na elaboração do edital. “Temos um trabalho harmônico com a secretaria de saúde, não estamos querendo anular o concurso, ou embargá-lo, ou coisa do tipo, só queremos resolver o problema o quanto antes, para que ninguém saia prejudicado. E sabemos que uma retificação deste tipo é bem possível de acontecer”, concluiu a presidente.

A Secretaria de Estado da Saúde (Susam) informa que o requerimento protocolizado pelo Conselho Regional de Farmácia será encaminhado à análise da Comissão organizadora do concurso público.

Nesta quinta-feira, a FGV já publicou uma retificação no edital, corrigindo a quantidade de vagas para pessoas com deficiência.

Fonte: D24am
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

2 Comments

  1. evaldo fraNCATTI disse:

    QUAL O NUMERO DE VAGAS PARA ASSISTENTE OU AUXILIAR ADMINISTRATIVO NO CONCURSO DA SUSAM?

  2. Igo Dutra disse:

    Bom Dia !!!!
    Ao invés de o CRF se preocupar em ter um concurso só para FARMACÊUTICOS-BIOQUÍMICOS, preocupam-se na matéria do edital ???

    Farmácia-Bioquímica para os farmacêuticos…concursos com vagas só para nossa classe de profissionais !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *