Home » News » Casa da Moeda modificará metodologia dos próximos concursos

Empresa estatal que completou 320 anos no último dia 8, a Casa da Moeda do Brasil (CMB) informou que os seus próximos concursos não formarão cadastro reserva; serão apenas para vagas imediatas.

De acordo com a assessoria de imprensa, o presidente e quatro diretores, que assumiram a direção da organização em 2012, farão essa mudança com o objetivo de que nos futuros concursos todas as vagas sejam efetivamente preenchidas pelos candidatos aprovados.

O último certame da CMB ocorreu em 2012 e sua validade expirará em 26 de março. Por isso, mesmo não havendo previsão de uma nova seleção, cresce a expectativa por mais um processo seletivo público.

Informações do concurso anterior

O edital apresentou 1.015 oportunidades, sendo 27 imediatas e 988 para cadastro reserva. As chances oferecidas destinavam-se a profissionais com ensino médio/técnico e diploma de graduação. Os vencimentos oscilavam entre R$ 1.395,10 e R$ 3.592,98.

As ofertas de nível superior eram para o cargo de analista da CMB em diversas especialidades. Já para quem tinha ensino médio/técnico, havia vagas nas carreiras de assistente técnico administrativo, auxiliar de operação industrial e técnico industrial.

Organizada pela Fundação Cesgranrio, a seleção foi composta de prova objetiva com 30 questões de múltipla escolha e exame pré-admissional. Os nomeados foram contratados pelo regime celetista no Rio de Janeiro.

Fonte: JC Concursos
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

1 Comment

  1. Fernando disse:

    é bom mesmo, pois passei em 1º e nao fui chamado em um dos cargos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe!

Login

Perdeu sua senha?