Home » News » Unemat abre seis vagas para concurso do Corpo de Bombeiros/MT

Cargos são para o nível médio de escolaridade. A remuneração do aluno à oficial é R$ 3.903,84.

A Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat) deve abrir nesta segunda-feira (17) as inscrições do concurso para seis vagas do Curso de Formação de Oficiais (CFO) do Corpo de Bombeiros, em cargo de nível médio. Deste número, cinco são para homens, e um para mulheres.

O edital pode ser conferido aqui. A remuneração ao aluno que pretende ser oficial é de R$ 3.903,84.

As inscrições podem ser feitas até o dia 20 de abril, apenas pelo site da Unemat. A taxa é de R$ 120. Entre os requisitos estão, ter entre 18 e 25 anos, estar quite com as obrigações eleitorais e militares e ser brasileiro. O candidato que estiver desempregado, que receber até um salário mínimo e meio ou que seja doador regular de sangue, poderá pedir o benefício da isenção de pagamento da taxa de inscrição.

Fazem parte do processo cinco fases. A primeira será composta de prova objetiva e de redação, que deverá ser realizada no dia 25 de abril. O local de realização de cada candidato deverá ser divulgado no dia 5 de abril.

As provas deverão ser feitas nos seguintes municípios: Alta Floresta, Alto Araguaia, Barra do Bugres, Barra do Garças, Cáceres, Colíder, Cuiabá, Diamantino, Diamantino Juara, Nova Mutum, Nova Xavantina, Pontes e Lacerda, Rondonópolis, Sinop e Tangará da Serra.

A segunda fase é o teste de aptidão física. A data, local e o horário de realização deverão ser divulgados em edital complementar de convocação com antecedência mínima de cinco dias da aplicação do referido teste. De acordo com a assessoria, deverá ser realizado somente em Cuiabá.

Haverá também uma terceira fase, que é de avaliação psicologia. A data, local e o horário de aplicação deverão ser divulgados da mesma forma que a segunda fase. A quarta fase é de exame médico-odontológico. A data, local e o horário de realização deverão ser divulgados em edital complementar de convocação com antecedência mínima de cinco dias da aplicação do referido exame.

Ainda haverá uma quinta fase, de investigação social e funcional, que deverá ser realizada com base em documentos oficiais entregues pelo candidato.

O concurso terá um ano de validade e poderá ser prorrogado pelo mesmo período.

Fonte: G1
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *