Home » News » Prefeitura de São Paulo/SP deve lançar edital para Educação ainda neste semestre

Cresce a expectativa para a publicação do edital do concurso de professor da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo. Após o órgão confirmar que pretende iniciar a seleção no primeiro semestre a sinalização agora veio do Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo. De acordo com o ex-vereador e presidente da entidade, Claudio Fonseca, afirmou que a comissão do concurso garantiu a liberação do documento será realizada até junho deste ano. “Caso a publicação aconteça até maio é possível que até a prova seja realizada neste semestre” ressaltou ele. No início do mês o órgão definiu a organizadora do concurso, mas ainda aguarda a assinatura do contrato para revelar o nome da vencedora da licitação.

A seleção contará com uma oferta de 3.514 vagas paras os cargos de professor de educação infantil e de ensino fundamental I. Para concorrer ao cargo o candidato deve possuir ensino superior com licenciatura plena em pedagogia ou curso técnico de magistério, correspondente ao nível médio. A contratação também levará em consideração as competências do candidato para a alfabetização e as habilidades na educação infantil. O concurso deve contar com algumas mudanças em relação ao conteúdo programático do último concurso

A remuneração da categoria pode chegar a R$3.075,53, para uma jornada de 30 horas semanais. O valor inclui o salário, de R$2.345,17, e, benefícios, como auxílio-refeição, no valor de R$296,12 (média de 22 dias), auxílio-transporte de R$177,12 e vale alimentação, no valor de R$257,12. Alguns profissionais ainda contam com gratificação de difícil acesso, que pode variar de R$84,21 a R$140,34.

O último concurso para professor de educação infantil e ensino fundamental I da rede foi realizado em 2009, com organização da Fundação Carlos Chagas (FCC). No total, foram convocados 8.227 aprovados, sendo que somente no mês de janeiro, o órgão chamou 167 professores. No momento, estão sendo convocados os aprovados no concurso de temporário, de acordo com as necessidades das diretorias regionais de ensino, com o objetivo de suprir a demanda enquanto o novo concurso não é realizado.

Fonte: Folha Dirigida
Saiba mais no SOS Concurseiro.com.br

1 Comment

  1. Jaciene Nascimento Souza disse:

    Quero participar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *